terça-feira, 22 de setembro de 2015

A alegria de viver


Vejo um mundo repleto de contradições
De pessoas cheias de idéias e vazias de ações
Com ótimos ídolos e péssima índole
Mentes egóicas, sob o manto do ícone

Mas vejo também um mundo puro
Onde há sempre uma luz
E quando me perco no escuro
Espalma o medo, a dor, e plenamente me conduz

Sou fruto suculento do redor em que vivo
Cercado de bons amigos, de pessoas de grande valor
E a cada momento célebre, e sentimento cativo
A gratidão me completa com ar contemplador

Viver tem sido isto
Batalhar em uma guerra sem general
em um terreno de constante variação sentimental
gozando também, de tudo aquilo que conquisto.

O mundo é um mar de rosas,
e é também uma grande mentira.
As coisas belas que nos comovem,
São os alvos das mentes enganosas,
que embora insistam, a alegria de viver
ninguém nos tira.


Maurício Tovar Junior

segunda-feira, 8 de junho de 2015

Forasteiro

Vaga pela noite desnuda
Sem senso de humor e de norte.
Entre outros cães,barganha ajuda
Entre os lobos, conta com a sorte

Lágrimas no lensol
Nervos trêmulos e dedos tortos
num frigir da mente e dos corpos
Descarregando sussurros e cortisol

Alma atônita e desiludida,
Sem razão no peito ou emoções em pensamento.
Colhe nos becos, o beco sem saída.

Sem vida, sem honras ou sacramento.




Maurício Tovar Junior